Directora do Museu de Arte Antiga afastada por dizer o que pensa

2 08 2007

O Governo decidiu afastar a Directora do Museu Nacional de Arte Antiga, alegadamente devido à sua discordância do actual modelo de gestão dos museus nacionais e por ter exigido condições para continuar no cargo. Dalila Rodrigues manifestou-se "surpreendida" com a decisão e considerou "inacreditável" ter sido "penalizada por discordar publicamente do modelo de gestão" dos museus nacionais. Em 2006 o número de visitantes deste Museu cresceu 86%, tendo o próprio director do Instituto dos Museus e Conservação (IMC) admitido que a ex-directora "fez um bom trabalho de divulgação e promoção do museu".

Ao que tudo indica, na origem do afastamento de Dalila Rodrigues, está uma entrevista dada à Lusa em Março, em que a directora do Museu se insurgiu contra o cancelamento de apoios do Programa Operacional da Cultura, considerando o Instituto dos Museus "um travão ao desenvolvimento" do museu que dirigia, devido à "burocracia paralisante e lentidão dos processos". Na mesma entrevista Dalila Rodrigues afirmou também que a tutela impedia o Museu de crescer e defendeu que este tivesse uma estrutura autónoma (como o museu do Prado) e que dependesse apenas do Ministério da Cultura.

"Estou surpreendida porque nunca me foi feito nenhum reparo por parte da tutela sobre a forma como dirigi o museu. Recebi sempre elogios", disse Dalila Rodrigues, poucas depois de lhe ter sido comunicada a não renovação da comissão de serviço pelo director do Instituto dos Museus e Conservação (IMC), Manuel Bairrão Oleiro. O responsável revelou que Dalila Rodrigues foi afastada devido à sua discordância do actual modelo de gestão dos museus nacionais, tutelados pelo IMC, e por ter exigido condições para continuar no cargo, nomeadamente a autonomia financeira e administrativa, apesar de admitir que a directora "fez um bom trabalho de divulgação e promoção do museu" que tutelava. (Nota: De lembrar que Dalila Rodrigues "angariou" junto do Millennium BCP, em regime de mecenato, 500 mil euros, dos quais só 350 mil lhe foram atribuídos pela tutela, o que a deixou "indignada". [P.S.: Para onde terá ido o resto?!])

Em resposta, Dalila Rodrigues garantiu que "a defesa da autonomia nunca colocou o MNAA em risco" e fez um balanço muito positivo do trabalho desenvolvido desde 2004. "Pelo contrário, desde que aqui estou, os visitantes aumentaram devido à nova programação de exposições e outras iniciativas, as receitas também, e foram realizadas obras de remodelação urgentes porque consegui mecenas para as fazer", sustentou. De facto, segundo dados divulgados hoje pelo Público, o Museu Nacional de Arte Antiga é o segundo museu mais visitado do país, a seguir ao Museu dos Coches. Em 2006, teve 192.417 visitantes, um crescimento de 86%.

in Esquerda

Isto começa a ser demais!

Todo e qualquer funcionário do estado que se mostre contra as políticas deste governo, mesmo que seja competente,é simplesmente afastado.

É a política do mando, posso e faço!

Será que irá parar algum dia, e voltar a ser uma verdadeira democracia?! Fico a aguardar… ???:

paineis-s.-vicente

Technorati : , , , , ,
Del.icio.us : , , , , ,
Ice Rocket : , , , , ,

Advertisements

Acções

Information

6 responses

2 08 2007
silviaagostinho

realmente está pela hora da morte a liberdade de expressão neste país. depois do antigo director do teatro nacional de são carlos tbém ter dito de sua justiça agora esta senhora… enfim!

3 08 2007
XRéis

O que mais doi é que a Drª Dalila era competente e muito e foigraças a ela que o Museu de Arte Antiga Aumentou o nº de Visitantes, e se está aberto a ela e á maneira como ultrapassou a falta de pessoal e de dinheiro, se deve.
Mas enfim estamos num País que valoriza a incompetência e o dizer a tudo que sim.

3 08 2007
Mário Silva

A situação chegou a um ponto em que 16 directores de outros museus subscreveram um abaixo assinado que não é mais do que uma declaração de submissão ao ministério da cultura (recuso-me a escrever com maiúsculas) que me fez lembrar a manifestação da “brigada do reumático” após saída em falso das Caldas, antes do 25 de Abril.
Sim, porque não podem estar a pensar – como escrevem – que o Museu Nacional de Arte Antiga é a mesma coisa que certos museus, quase desconhecidos, que eles dirigem.
Nem sequer aceitarão que é o nosso mais importante museu e que o único com mais visitas (Coches) beneficia, para além da originalidade, do facto de se situar em Belém, formando um triângulo com a Torre e os Jerónimos com o natural afluxo de visitantes?
Os situacionistas do antigamente tinham, ainda assim, mais pudor do que os de hoje.

4 08 2007
Ronin

Mas é claro que os outros directores assinaram… então a dita senhora conseguiu fazer o que mais nenhum deles consegue e queriam o que? É mais fácil despedir só uma que 16!!!

4 08 2007
Conde De Venardis

Que horror! Salazar ressurge… medo!

6 08 2007
Pesaran Correia

Autênticos pilatos, esqueceram-se que juntos revelam os seus perfis de autênticos escroques. Todos mandatários do partidozinho e nomeados recentemente por Concurso Público, daqueles que todos sabemos. Foram apanhados com a boca na botija! ou foi a tutela que os mandatou nesta cruzada de salvar a pele do BO e CC.
Já agora deixo convite para consulta do Relatório do Tribunal de Contas sobre a gestão do ex-IPM. Foram excelentes no saque e ainda foram reconduzidos! É obra prima.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: