As melhores participações de seguros do ramo automóvel

17 01 2008

Descrição de ocorrências nas participações de sinistro do ramo automóvel em 1998, em Portugal, consideradas as mais”caricatas & quanto baste”.

 

 

1. O falecido apareceu a correr e desapareceu debaixo do meu carro. (das duas uma: ou era atleta ou mágico!)

 

 2. Para evitar bater de frente no contentor do lixo, atropelei um peão. (o importante é que não acertou no contentor do lixo!!!)

 

3. O acidente aconteceu quando a porta direita de um carro apareceu de esquina sem fazer sinal. (autêntico caso de Ficheiros Secretos)

 

4. A culpa do acidente não foi de ninguém, mas não teria acontecido se o outro condutor viesse com atenção. (desde que a culpa não seja de ninguém…)

 

5. Aprendi a conduzir sem direcção assistida. Quando girei o volante no meu carro novo, dei comigo na direcção oposta e fora de mão! (a culpa aqui também não é de ninguém, mas se o tivessem ensinado a conduzir com direcção assistida isso não teria acontecido!!!)

 

6. O peão bateu-me e foi para baixo do carro. (malditos peões, só servem para destabilizar…só para chamarem a atenção… malditos arruaceiros!)

 

7. O peão não sabia para onde ia, então eu atropelei-o! (ora lá está! Mais uma vez a tentarem destabilizar! Mas assim ao menos ficou o caso resolvido…hospital com ele!)

 

8. Vi um velho enrolado, de cara triste, quando ele caiu do tejadilho do meu carro. (já dizia a música: “It’s raining men…ALELUIA!!!”)

 

9. Eu tinha a certeza que o velho não conseguia chegar ao outro lado da estrada, por isso atropelei-o. (ora aí está feita a boa acção do dia!)

 

10. Fui cuspido para fora do carro, quando ele saiu da estrada. Mais tarde fui encontrado numa vala por umas vacas perdidas. (se as vacas estavam perdidas, ele foi achado ou perdido?!?)

 

11. Pensei que o meu vidro estava aberto, mas descobri que estava fechado quando pus a cabeça de fora. (e assim que ele viu as vacas, estas ficaram achadas ou continuaram perdidas?!?)

 

12. Bati contra um carro parado que vinha em direcção contrária. (ora aí está uma coisa perigosa! Esses são os piores…. todo o cuidado é pouco quando eles estão parados…sobretudo se vierem em direcção contrária!)

 

13. Saí do estacionamento, olhei para a cara da minha sogra e caí pela ribanceira abaixo. (nova campanha da DGV: “Se conduzir, não leve a sogra”)

 

14. O tipo andava aos ziguezagues de um lado para o outro da estrada. Tive que me desviar uma porção de vezes antes de o atropelar. (mas o importante é que conseguiu! Há que ir sempre tentando e ter orgulho na pontaria!)

 

15. Já conduzia há 40 anos, quando adormeci ao volante e sofri o acidente. (é perfeitamente natural, então se o senhor conduz há tantos anos deve, com certeza, estar muito cansado!)

 

16. Um carro invisível veio de não sei onde, bateu no meu carro e desapareceu. (Mais um caso para Mulder e Scully…. ou então para os Alcoólicos Anónimos!)

 

17. O meu carro estava estacionado correctamente, quando foi bater de traseira no outro carro. (eu bem digo que os parados são os piores…. eles andam aí!!!)

 

18. De regresso a casa, entrei com o meu carro na casa errada e bati numa árvore que não é minha. (aqui não restam dúvidas….é caso para os Alcoólicos Anónimos!)

 

19. A camioneta bateu de traseira no meu pára-brisas, em cheio na cabeça da minha mulher. (e só não foi na cabeça da sogra graças à nova campanha da DGV…)

 

20. Disse à polícia que não me tinha magoado, mas quando tirei o chapéu percebi que tinha fracturado o crânio. (estava agora a lembrar-me…pertenceria o tal tipo dos ziguezagues aos Alcoólicos Anónimos também???)

 

Recebido por email

800px-japanese-car-accident

Social Bookmarks:
deliciousbluedotdiggfurlmagnolianewsvineredditspurlstumbleittechnoratique

Technorati : , , , ,
Del.icio.us : , , , ,
Ice Rocket : , , , ,

Anúncios

Acções

Information

5 responses

17 01 2008
Só Maria

Desculpa não te mandar agora os 50,00€, mas quando me lembrei já tinha fechado o envelope da carta… e tal!… 🙂

18 01 2008
Gui

AHUIauiAIUAh

Eu tinha a certeza que o velho não conseguia chegar ao outro lado da estrada, por isso atropelei-o

me cgauei de rir com esse….

eu soh dispensaria TODOS os comentarios entre parenteses, nenhum deles me fizeram rir D:

lembre-se, qdo explicamos a piada, esta perde totalmente quase q “broxadamente” a graça… ._.

19 01 2008
Joao Leitao

Olá outra vez! hehehe muito bom artigo para rir um pouco … bem da desgraça dos outros não será, mas mais propriamente do que escreveram. 🙂

hehe ” Tive que me desviar uma porção de vezes antes de o atropelar. ”

Saudações e até breve. Já fiz deste blog um local de visita regular! 🙂

19 01 2008
tkm

fantástica análise da nossa sociedade…através de um tema bastante presente no nosso quotidiano…
volto!
Olha, olha, quem anda por aqui…não há coincidências sómaria

9 09 2008
ARTUR

KD AS FOTOS

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: