Mês: Fevereiro 2014

Aula para atentados suicidas acaba com professor a explodir alunos

O comandante de um campo de treino terrorista fez explodir um grupo de 22 militantes iraquianos ligados à Al-Qaeda depois de ter colocado um cinto cheio de explosivos durante uma aula de demonstração. Segundo o The New York Times, o incidente bombista ocorreu em Samarra, a norte de Bagdad, e feriu ainda outras 15 pessoas que assistiam ao treino e que acabaram por ser detidas.

Um grupo de 22 alunos e com ligações à Al-Qaeda morreu esta segunda-feira na sequência de uma explosão provocada pelo professor e comandante, em Samarra, a Norte de Bagdad.

Segundo os relatos do The New York Times, o incidente ocorreu durante uma aula de demonstração e os militantes iraquianos acabaram por morrer na sequência de uma explosão provocada por um cinto de explosivos colocado no corpo do treinador.

As vítimas mortais pertenciam ao grupo extremista chamado Estado Islâmico do Iraque e do Levante (ISIS), sendo que na aula de demonstração encontravam-se ainda outros 15 membros que acabaram feridos, mas que foram mais tarde detidos.

in Notícias Ao Minuto

Lamentado a tragédia que foi, parece aquela anedota do curso para Kamikases…

Diz o professor para os alunos: – Estejam atentos! Só faço isto uma vez!!

Anúncios